Controle da eliminação de fezes e de urina (controle dos esfíncteres)

A aquisição do controle das fezes e da urina (controle dos esfíncteres) relaciona-se não só com a maturação do sistema nervoso da criança, como também com o desenvolvimento de suas competências sociais.



Deve-se começar a ensinar a criança sobre o controle dos esfíncteres após os 18 meses, pois, em geral, antes disso ela não está pronta para tal aprendizado. Normalmente, a criança está pronta para iniciar o treinamento quando fala “xixi” e “cocô", sem se confundir.

O processo pode durar até o final do quarto ano de vida, sendo que, na maioria das vezes, ocorre primeiramente controle diurno da urina para depois haver o controle da eliminação de fezes e de urina noturna. Caso a criança complete cinco anos sem o controle esfincteriano, torna-se necessária avaliação multiprofissional mais detalhada.


Os pais devem ser bastante pacientes com seus filhos, evitando comparações ou repreensões e incentivando-os com elogios durante toda a aprendizagem. Algumas estratégias podem ser utilizadas para auxiliar na aquisição do controle da eliminação de fezes e urina, por exemplo: levar a criança ao banheiro a intervalos regulares (pelo menos uma vez antes de deitar, à noite), usar apoio para os pés ao sentar no vaso sanitário e diminuir a ingestão de líquido após as 18 horas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Raquitismo

Variabilidade da frequência cardíaca pode determinar risco de morte nasepse

Recomendações sobre sono seguro