Nem todos os jovens confiam que camisinha previne a AIDS

 

Um estudo realizado pela UFMG mostra a falta de informação dos jovens com relação ao uso de preservativo na prevenção contra a Aids. Dezenove por cento dos 1137 estudantes de ensino médio entrevistados não reconhecem a camisinha como uma forma de proteção. A opção por não usar o preservativo parece estar relacionada à crença equivocada de invulnerabilidade e/ou à confiança excessiva em um parceiro fixo. O assunto tem sido cada vez menos abordado na mídia e o número de casos de Aids tem aumentado. Em Minas Gerais, existem hoje 29.260 casos da doença. Leia a notícia completa.

 

 

*Clique nas imagens para ampliar.

 

 

Fonte: Jornal O Tempo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Raquitismo

Variabilidade da frequência cardíaca pode determinar risco de morte nasepse

Recomendações sobre sono seguro