Dermatite Atópica

É uma doença inflamatória crônica e recorrente da pele, que se torna seca e descamativa e causa coceira intensa.



A causa ainda não está estabelecida, mas fatores genéticos são importantes. Acomete, principalmente, crianças com história pessoal ou familiar de alergia, especialmente asma e rinite alérgica. A distribuição das lesões varia de acordo com a idade da criança. Nos lactentes é comum o acometimento das bochechas e do couro cabeludo, já nos maiores de dois anos, pescoço, cotovelos, joelhos, punhos e tornozelos são mais comumente acometidos.

O tratamento baseia-se em controlar e tratar essas lesões. A pele deve ser sempre muito bem hidratada. O banho da criança não deve ser quente e após retirar o excesso de água com a toalha, deve-se aplicar um creme, de preferência branco e sem perfume, em todo o corpo dentro de três minutos. Além disso, deve-se tentar identificar fatores irritantes (como sabão, detergente, amaciante de roupa, tecidos sintéticos, tapetes e carpetes, por exemplo) que desencadeiam o aparecimento dessas lesões. Deve-se dar preferência a roupas de algodão. Pode ser necessário o uso de pomadas ou medicamentos orais para controlar as lesões, quando, então, um médico deve ser consultado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Variabilidade da frequência cardíaca pode determinar risco de morte nasepse

Trombose de veia porta após cateterismo venoso umbilical: revisão da epidemiologia, profilaxia, diagnóstico e tratamento

Raquitismo