“Prematuridade é 2ª causa de morte infantil”

Segundo relatório da ONU, as complicações relacionadas ao parto prematuro são responsáveis pela segunda causa de morte entre crianças com menos de cinco anos no mundo. Nos países pobres, devido a problemas como tabagismo, etilismo e doenças maternas durante a gestação, a taxa de prematuridade é maior do que em países desenvolvidos. No Brasil, essa taxa é intermediária e corresponde à 9,2% dos nascidos vivos no país.  Em países desenvolvidos, a prematuridade geralmente deve-se à gestação tardia  e maior acesso à fertilização in vitro. A elevada taxa de cesáreas antes do tempo, que configura um problema crescente na Améria Latina, também está relacionada à prematuridade. O que mais preocupa, no entanto, é a taxa de mortalidade dos prematuros extremos (idade gestacional inferior ou igual à 28 semanas): 90% em países subdesenvolvidos comparado à 10% empaíses ricos. Essa grande diferença é atribuída a ausência de medidas de saúde simples, baratas e efetivas nos países pobres.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Variabilidade da frequência cardíaca pode determinar risco de morte nasepse

Trombose de veia porta após cateterismo venoso umbilical: revisão da epidemiologia, profilaxia, diagnóstico e tratamento

Raquitismo