Coqueluche

É uma doença infecciosa e transmissível, que afeta o aparelho respiratório (traqueia e brônquios) e é caracterizada por crises de tosse seca. É causada pela bactéria Bordetella pertussis. A transmissão ocorre pelo contato direto com uma pessoa doente ou por meio de gotículas de saliva ou secreção eliminadas na tosse, no espirro ou durante a fala.



A doença manifesta-se durante uma a duas semanas, por meio de sintomas leves (febre pouco intensa, mal-estar, nariz escorrendo e tosse seca). Os episódios de tosse vão se tornando cada vez mais frequentes e iniciam-se as crises características da enfermidade, com tosse súbita e incontrolável levando à vermelhidão da face e à exposição da língua, com produção de ruído característico ("guincho") ao retomar a inspiração. Após essa etapa, as crises de tosse atenuam-se, o paciente pode apresentar tosse comum, porém com repetição das crises.


A doença pode levar a complicações respiratórias (como pneumonias), neurológicas (convulsões, hemorragias intracerebrais) e outras. A melhor maneira de evitar essa doença é por meio da vacinação. O número de pessoas afetadas pela coqueluche reduziu-se bastante desde o início da vacinação tríplice bacteriana. Para a proteção da criança, é necessário que o esquema vacinal seja cumprido.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Recomendações sobre sono seguro

Gastrite

Raquitismo