Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

Conheça as novidades na vacinação infantil

Imagem
No segundo semestre de 2012, duas novas vacinas foram incluídas pelo Ministério da Saúde no calendário infantil, a pentavalente e a vacina inativa de poliomielite.Aplicada em forma de injeção, a pentavalente reúne as vacinas tetravalente e contra Hepatite B, antes aplicadas separadamente no primeiro ano de vida. Agora, com apenas uma picada, a criança estará imunizada contra a hepatite B e outras quatro doenças: difteria, tétano, coqueluche, meningite e outras infecções causadas pelo Haemophilus Influenzae tipo B.

Impacto da obesidade infantil pode interferir na vida adulta

Além dos problemas sistêmicos como Diabetes mellitus e hipertensão arterial e suas consequências, a obesidade possibilita a ocorrência de uma série de transtornos mentais e psicológicos, principalmente na juventude. A baixa auto-estima pode levar também a mau desempenho escolar, com isso a atividade física previne a obesidade e as doenças cardiovasculares na vida adulta, promove a socialização e ensina bons hábitos de vida. O texto a seguir aborda esse assunto.

Boa alimentação na infância para vida adulta saudável

Imagem
Maus hábitos alimentares adquiridos na infância podem influenciar de forma negativa na saúde de um adultoExcesso de doces, enlatados, refrigerantes e frituras podem levar a hábito alimentar de risco “Atualmente existem duas formas da alimentação acarretar no risco de doenças futuras: uma é pela formação do hábito e a continuação dele na vida adulta e a outra é o fator genético”. Quem explica é o professor do Departamento de Pediatria da Faculdade de Medicina da UFMG Benedito Scaranci, especialista em Nutrologia Pediátrica e Distúrbios Alimentares.De acordo com o IBGE, cerca de 10% das crianças e adolescentes brasileiros possui sobrepeso e 7,3% sofre de obesidade. A obesidade infantil, que é um problema grave no âmbito mundial é, no Brasil, cada vez mais crescente.Benedito alerta que uma dieta rica em doces, enlatados, refrigerantes e frituras, além de pobre em verduras e frutas, acaba acarretando um hábito alimentar de risco e fica vinculada ao aumento na chance de diabetes, colesterol…

Saúde com Ciência aborda a violência infantil

Imagem
Ações nos campos da saúde e da sanidade pública estão conseguindo tirar o  Brasil da lista dos países com maiores taxas de mortalidade infantil (crianças menores de um ano) e na infância (crianças menores de cinco anos). Por outro lado, estamos ficando para trás quando o assunto é violência infantil. Somente em 2010, segundo dados da pesquisa “Mapa da Violência”, edição 2012, 24 crianças e adolescentes (na faixa etária de 1 a 19 anos) foram assassinados por dia.

Atividade física melhora autoestima e desempenho escolar, diz estudo

Na adolescência, a preocupação com a imagem corporal e adoção de dietas para perda de peso podem ser fatores de risco para desenvolvimento de transtornos de ansiedade ou mesmo, anorexia. Um dos principais focos em um programa de prevenção da obesidade infantil é o estímulo à prática de exercícios físicos pelas crianças. Para que se inicie um programa de atividade física estruturada para a criança ou o adolescente, é importante que ele seja submetido à avaliação clínica por médico capacitado.