Dica de leitura de artigo sobre o não rebaixamento da idade penal

A ineficiência do Estado perante a barbárie

Maria Rita Kehl
Paulo Fernano Pereira de Souza


RESUMO Apesar de a dor oriunda da violência independer de classe, a percepção de crimes e empatia para com vítimas reproduz padrões de desigualdade social. Ao privilegiar o aspecto punitivo para responder ao clamor público, como na proposta de reduzir a maioridade penal, o Estado erra e desconsidera sua função reguladora.
Os autores deste artigo defendem o não-rebaixamento da maioridade penal e junto à isso a população cobrar maior eficiência e rigor em suas ações de enfrentamento da criminalidade na qual se envolvem os adolescentes, ou seja, eles ampliam a discussão para mostrar como a violência juvenil é complexa e multicausal e, por conseguinte, exige respostas à altura dessa complexidade. A responsabilização do Estado em suas múltiplas faces deve ser uma constante nesse enfrentamento contínuo.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrissima/2013/05/1280567-a-ineficiencia-do-estado-perante-a-barbarie.shtml

 

Leia o artigo completo aqui.

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Raquitismo

Variabilidade da frequência cardíaca pode determinar risco de morte nasepse

Recomendações sobre sono seguro