Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2015

Estudos avaliam condições de trabalho e saúde na atenção básica

Imagem
*Matéria publicada na edição 45 do Saúde Informa
Entre os resultados estão a jornada prolongada e doenças ocupacionais decorrentes da condição de trabalho dos profissionais de saúde do município

O   projeto “Condições de emprego, condições de trabalho e saúde dos trabalhadores da atenção básica”, realizado entre setembro de 2008 e janeiro de 2009, foi a base para a análise de dados de duas dissertações de mestrado, defendidas junto ao Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública da Faculdade de Medicina da UFMG. Um dos estudos, feito pela médica Vanessa Ventura, teve como objetivo estimar a prevalência de doenças ocupacionais em trabalhadores da Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte (SMSA-BH) e identificar os fatores associados a essas doenças. Já o outro, da enfermeira Juliana Andrade, focou na condição da jornada prolongada, avaliando sua ocorrência e identificando a proporção de trabalhadores da SMSA-BH exposta à ela.

Segundo Vanessa as doenças ocupacionais têm alta prevalênci…