Apendicite Aguda

É a inflamação do apêndice, uma estrutura semelhante a um dedo de luva, que faz parte do intestino grosso. Resulta da obstrução no interior do apêndice provocada por fezes endurecidas, corpo estranho, vermes ou tumores. Ocorre principalmente em adolescentes e adultos jovens. Os primeiros sintomas são diminuição do apetite e dor abdominal do tipo cólica na região ao redor do umbigo. Podem ocorrer náuseas, vômitos e febre baixa (temperatura axilar entre 37,5 e 38°C), em geral, após o início da dor. Posteriormente a dor se localiza na parte inferior e do lado direito do abdome, piorando ao andar e ao tossir. Nem sempre o quadro é clássico, como o descrito, sendo necessário realizar exames como o hemograma e a ultrassonografia. A apendicite aguda é uma emergência médica. O tratamento é cirúrgico, sendo feita a retirada do apêndice. O diagnóstico precoce é muito importante. Quanto mais tempo se passa após o início da dor, maior é a chance de ocorrerem complicações, como rigidez da musculatura abdominal e infecção generalizada.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Variabilidade da frequência cardíaca pode determinar risco de morte nasepse

Trombose de veia porta após cateterismo venoso umbilical: revisão da epidemiologia, profilaxia, diagnóstico e tratamento

Raquitismo